Próteses Convencionais

    Esta especialidade visa a utilização de aparelhos em substituição aos dentes ausentes, que podem ser fixas ou retiradas e recolocadas na boca.

    Existem dois tipos principais de próteses: totais (dentaduras) ou parciais, que podem ser fixas ou removíveis.

Procedimentos relacionados

Prótese Total Convencional (Dentadura)

    A prótese total convencional é colocada somente após a cicatrização da extração dentária.

    As etapas de confecção da prótese devem ser aprovadas pelo paciente e pelo dentista, desde a cor, formato e o tamanho dos dentes que serão utilizados.

    Não é recomendável que o paciente durma todos os dias com este aparelho, a fim de evitar a proliferação de fungos e bactérias. Neste período, a prótese pode ser colocada em um recipiente com água. A higienização deve ser feita sempre após as refeições.

Prótese Total Imediata

    É instalada imediatamente após a extração dos dentes remanescentes. O dentista tira as medidas e faz as modelagens de seus ossos maxilares durante a consulta.

    Embora as próteses imediatas ofereçam a vantagem de o paciente não ficar sem seus dentes, elas necessitam de reajuste em alguns meses após a instalação.

Prótese Parcial Removível

    Consiste em uma estrutura metálica que se apoia nos dentes naturais e rebordo (osso e tecido).

    Algumas vezes, são colocadas coroas sobre alguns dentes naturais para que, assim, sirvam de apoio para a prótese.